Clicky

Buscar
X

Blog da Usa

Ser Mulher

Veja 5 regras da moda para você quebrar e apostar no seu próprio estilo!

Por Usaflex 22/11/2021

A moda é, antes de mais nada, uma forma de se expressar para o mundo. Ou seja, você deve usar o que te deixa mais feliz, livre e confortável, ainda que isso signifique romper com alguns padrões fashions. É por isso que, hoje, te mostraremos como você pode revolucionar os seus looks, quebrando algumas regras da moda que já estão ultrapassadas. Vamos lá?!

1 – Brilho? Só à noite

Talvez essa seja uma das regras da moda mais conhecidas e propagadas, então você já deve ter ouvido em algum momento da sua vida. É provável, inclusive, que a siga ou tenha seguido alguma vez. Porém, o tempo tem nos mostrado que mais e mais mulheres estão experimentando ousar nos looks, e isso inclui usar brilho durante o dia. 

E, acredite, é possível montar visuais com peças brilhantes para ir ao trabalho, à faculdade, a um almoço ou passeio durante a tarde. Tudo sem deixar o look over. Mas como fazer isso? Uma dica é buscar o equilíbrio, ou seja, mesclar uma peça brilhante com uma mais sóbria e neutra. 

Um bom exemplo de look de trabalho equilibrado é: blusa de lurex (tecido com fios metalizados), calça alfaiataria e um Scarpin caramelo ou bege, para manter a neutralidade. Dependendo da cor das roupas, você ainda pode optar por uma sandália slingback branca ou bege também. 

Para montar um look mais casual, você pode utilizar a mesma tática da mistura de peças lisas e com brilho. Como estamos no calor, uma opção de combinação é: saia metalizada, blusa feminina e tênis ou Mocassim. Jaquetas e blazers também caem bem com este visual, caso o dia esteja mais friozinho. 

2 – Mulher baixinha não pode usar vestidos e saias longas

Esse é outro mito que precisa ser superado, porque não é verdade. Então, se você é uma mulher baixinha e já ouviu essa “regra da moda”, saiba que é possível, sim, usar as saias e os vestidos longos ao seu favor. Basta saber os truques certos, como não deixar as barras das saias ou dos vestidos arrastarem no chão. Isso não contribui para o seu conforto e, no fundo, é ele que importa.

Sendo assim, busque por peças que deixem o peito do pé à mostra, pois isso deixará seu visual mais elegante. Outra dica é usar as cores para te favorecer, tanto na roupa quanto no sapato. Isso quer dizer escolher por vestidos e combinações de saia e blusa monocromáticos, que não “cortem” a sua cintura. No que diz respeito aos calçados, dê preferências aos saltos nude (da cor da pele), porque eles também te deixarão com um visual ainda mais chique.

3 – Essa roupa não é para sua idade/gênero

Quaisquer regras da moda que restringem as pessoas de expressarem a sua identidade devem ser quebradas sempre, pois a moda é democrática. Portanto, não existe “roupa de velho” e “roupa de jovem” ou mesmo “roupa de homem” e “roupa de mulher”. E as novas tendências estão aí para provar isso, como é o caso do estilo boyish.

No mundo da moda, esse termo inglês é utilizado para nomear os looks que misturam peças tradicionalmente consideradas femininas e masculinas. As papetes, por exemplo, ou os sapatos Loafers, foram criados primeiramente para os homens, mas hoje são utilizados por ambos os gêneros. Assim como os ternos, que viraram sinônimo de elegância para as mulheres que trabalham em ambientes formais.

A sua idade também não deve ser um empecilho na hora de se vestir. Você pode usar o que bem entender, desde que isso te deixe feliz. Então, se você for uma mulher madura, por exemplo, pode usar roupas coloridas e tênis descolados. Também pode ousar nas estampas, nas peças brilhantes, nos acessórios grandes e até arriscar um cabelo colorido, como as embaixadoras da linha Poofy

4 – Mulheres plus size não podem usar estampas

Em um país tropical como o nosso, as estampas estão bem presentes nos looks de primavera e verão. E, ao contrário do que dizem, as roupas estampadas não são somente para as magras. As mulheres plus size podem, e devem, usar os desenhos dos tecidos para valorizar partes do seu corpo e deixar o visual mais alegre. Mas como fazer isso? É o que vamos te contar agora!

Se você optar por um look mais divertido, com estampas maiores e coloridas, a dica é mesclar a peça desenhada com outra lisa. Assim você mantém o visual harmonioso, sem abrir mão da força das estampas.

Um exemplo de visual assim é: calça estampada, blusa feminina lisa e uma sandália Anabela para dar altura. Esse look valoriza mais o quadril, mas se você quer colocar os olhares mais na parte de cima, opte por uma blusa feminina, calça lisa de tom neutro e uma sandália Anabela. Fica um espetáculo!

 5 – Você deve seguir as tendências 

Conhecer as tendências da atualidade é sempre interessante, porque te permite descobrir coisas novas, mas você não é obrigada a segui-las, muito menos torna-se “ultrapassada” por rejeitá-las. Não deixe que ninguém te diga o que pode ou não usar, pois só você sabe o que te deixa bem e confortável. 

Busque sempre agradar o seu gosto primeiro, antes de tentar agradar aos outros. Afinal de contas, a moda passa mas o estilo fica! Sendo assim, nossa principal dica é: arrume-se para você; olhe-se no espelho e sinta-se bonita, porque, de todas as “regras da moda”, a mais importante é ser feliz e só conseguimos ser felizes quando somos nós mesmos, não é verdade?

E para te inspirar ainda mais a quebrar as regras da moda e seguir a sua essência, te convidamos a assistir nosso vídeo do verão. Ele foi feito para mulheres como você: empoderadas e corajosas. Clique aqui e assista.

Fique por dentro

Inscreva-se e seja o primeiro a saber sobre
as novidades, promoções e muito mais!

Cadastrado com sucesso!