Clicky

Buscar
X

Blog da Usa

Por Todas

Fisioterapia pélvica: uma vida com mais saúde e prazer

Por Usaflex 07/11/2022

“A fisioterapia pélvica é um portal para o autoconhecimento feminino”. É isso o que defende Ana Bárbara Lanz, fisioterapeuta especialista no tratamento do assoalho pélvico. Ela conversou com o Blog da Usa e contou sobre como essa ciência auxilia as mulheres a se conectarem com a região íntima e a descobrirem caminhos para uma vida com mais saúde e prazer. 

O que é a fisioterapia pélvica e em quais situações as mulheres devem procurá-la?

O foco da especialidade é um conjunto de músculos e outras estruturas que cumprem as funções sexual, urinária, anorretal, durante a gestação e o parto. O ideal é que toda mulher, mesmo antes da fase adulta, tenha acesso a uma consulta com uma fisioterapeuta pélvica, ainda que não tenha queixas ou disfunções. Assim, elas podem ter informações sobre a saúde íntima, prevenir problemas ou potencializar o bem-estar sexual.

O que causa as disfunções no assoalho pélvico? 

Sobrecargas associadas ao envelhecimento e gestação impactam a saúde do assoalho pélvico. Além do enfraquecimento, muitas mulheres apresentam incoordenação e tensões musculares nessa região, o que prejudica o funcionamento da estrutura. Por isso, fica o alerta: realizar exercícios de contrair e relaxar a musculatura sem a orientação de um profissional pode piorar ou gerar problemas.

O que as mulheres podem fazer para prevenir disfunções no assoalho pélvico?

Inicialmente, precisamos nos conectar ao nosso corpo. Recomendamos que seja feita uma visualização diária da vulva, utilizando um espelho, em um momento dedicado ao autoconhecimento e autocuidado. No entanto, a melhor forma de alcançar um assoalho pélvico funcional e saudável é através de uma avaliação com uma profissional.

De que forma essa especialidade contribui para a saúde sexual feminina?

Através do conhecimento. Quando a mulher entende seu corpo e o papel da sexualidade na qualidade de vida, a mágica acontece. É possível aprender a controlar a musculatura íntima, aumentar a lubrificação, descobrir estímulos que proporcionam prazer e orgasmos mais intensos, bem como estimular o desejo sexual e a libido. Assim, teremos uma mulher satisfeita sexualmente e muito mais feliz.

Fique por dentro

Inscreva-se e seja o primeiro a saber sobre
as novidades, promoções e muito mais!

Cadastrado com sucesso!