Clicky

Buscar
X

Blog da Usa

Por Todas

Câncer de mama: como amar um corpo que muda?

Por Usaflex 10/10/2022

É possível amar um corpo que muda? Este é um questionamento comum para mulheres que sofrem transformações na aparência como consequência do tratamento do câncer de mama. 

Para além das preocupações com a saúde, as mulheres com câncer se vêem diante do medo das mudanças que o corpo irá enfrentar. As mamas, apesar de não serem órgãos essenciais, são parte fundamental da mulher no que diz respeito a sua estética corporal, feminilidade, maternidade e até sexualidade.

A temida mastectomia, então, cirurgia de retirada total ou parcial da mama, representa uma transformação imensa e, algumas vezes, irreversível, mesmo após a reconstrução. Ela impacta não só o físico, mas o psicológico das mulheres que precisam aprender a aceitar o novo corpo. 

Outro símbolo forte do feminino, os cabelos, também passam a ser alvo de grande receio, que pode fazer com que muitas adiem o tratamento. A queda e o enfraquecimento dos fios é consequência comum dos tratamentos mais invasivos contra o câncer de mama. Mas como amar este novo corpo, com as marcas das batalhas que acaba de enfrentar?

Conte com sua rede de apoio

Pedir ajuda, nunca é fácil. Porém, é fundamental não esperar chegar no seu limite para dividir com familiares e amigos o que está se passando com você. Afinal, o tratamento não é apenas de um órgão doente e sim de um ser humano complexo, que também pode ser mãe, esposa, filha, funcionária etc. Contar com a empatia e a compaixão das pessoas que se ama, faz com que as pacientes se sintam acolhidas e respeitadas, colaborando para que elas enfrentem este período tão desafiador com mais confiança e menos ansiedade.

Converse com outras mulheres

A tão importante rede de apoio vai além dos entes queridos. Mulheres que passam ou já passaram pela doença podem se tornar grandes aliadas durante este processo. As trocas e os conselhos de quem vive na pele esta realidade se tornam muito efetivos. É quase unanimidade, entre quem vivenciou o câncer, a fala sobre a importância de compartilhar e falar a respeito da situação. Quebrar os tabus, conhecer exemplos de mulheres que saíram vitoriosas da doença e enfrentar de frente o tratamento são alguns dos ensinamentos que elas dividem. A terapia, em grupo ou individual, também pode se tornar muito benéfica durante todo o processo.

Não se sinta sozinha

O câncer de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no Brasil e no mundo. Então, não se sinta isolada e atingida por um mal exclusivo seu. Muitas famosas já passaram pelo câncer, compartilham suas trajetórias e incentivam mulheres na mesma situação a não perderem a positividade e esperança. A apresentadora Ana Furtado, a atriz Patrícia Pillar, a cantora Elba Ramalho e a modelo Fernanda Motta são alguns exemplos de figuras públicas que viraram exemplos de superação quando foram à público dividir suas histórias. Mire-se nestes exemplos.

Encontre sua nova beleza

Lenços, chapéus, bonés e até perucas conferem estilo, melhoram a autoestima e também oferecem proteção solar. Estes adereços são maneiras para despertar novas formas de beleza neste momento de mudança no corpo. Para as mulheres mastectomizadas, existem diversas opções de sutiãs com próteses disponíveis no mercado. Mais do que uma questão estética, estas peças são recomendadas para se evitar problemas na coluna devido a diferença no peso das mamas.

Se ame acima de tudo

Aprender a se aceitar e se sentir bem com o seu corpo durante o tratamento é uma jornada pessoal e diferente para cada mulher. Se amar profundamente é o primeiro passo para encontrar a resiliência necessária para recomeçar. Este é o conselho de muitas mulheres que já receberam o diagnóstico do câncer de mama. Para elas, não faz sentido vencer esta batalha não tendo carinho com a sua principal aliada: você mesma. 

Se foi o seu corpo que te trouxe até aqui, por que não recompensá-lo com respeito e autocuidado? A inclusão da atividade física, meditação e uma dieta mais equilibrada na rotina podem ajudar muito neste processo de reconstrução do amor-próprio e relação mais saudável com o seu corpo. Então, nada de ficar parada!

Fique por dentro

Inscreva-se e seja o primeiro a saber sobre
as novidades, promoções e muito mais!

Cadastrado com sucesso!